O Ministério Público está a investigar a utilização de veículos das corporações de bombeiros para se deslocarem a uma manifestação da Liga dos Bombeiros Portugueses em Lisboa, avançou a Procuradoria-Geral da República (PGR), nesta sexta-feira.

Confirma-se a existência de investigações relacionadas com a utilização de veículos das corporações nas deslocações para manifestação de bombeiros”, indica a PGR.

Em 24 de novembro de 2018, cerca de 3.000 bombeiros e 750 viaturas participaram, na Praça do Comércio, em Lisboa, numa manifestação organizada pela Liga dos Bombeiros em protesto contra as propostas do Governo na área da proteção civil.

A resposta da PGR surge depois de o Jornal de Notícias ter noticiado na semana passada que a Polícia Judiciária está a enviar cartas a corporações de bombeiros, questionando-os sobre a autorização da viagem a Lisboa, número de bombeiros e despesas relacionadas com a deslocação ao protesto.

Em causa poderá estar o alegado uso abusivo de viaturas das corporações dos bombeiros voluntários.