O município de Loures contabilizou um total de 13 contentores incendiados durante os atos de vandalismo ocorridos esta semana, tendo participado à PSP estes incidentes, cujo prejuízo é estimado em 6.500 euros, adiantou esta quinta-feira a autarquia.

Numa nota enviada à agência Lusa, os Serviços Intermunicipalizados de Águas e Resíduos de Loures e Odivelas (SIMAR) refere que os 13 contentores, todos eles localizados na localidade de Santo António dos Cavaleiros, já foram substituídos.

A mesma nota adianta que os SIMAR, que servem os concelhos de Loures e de Odivelas, no distrito de Lisboa, já apresentaram uma queixa contra desconhecidos na PSP.

A autarquia estima que os prejuízos sejam de cerca de 6.500 euros, uma vez que cada contentor tem o valor de 500 euros.

No mesmo sentido, o município de Sintra divulgou um relatório a dar conta que naquele concelho foram incendiados 36 contentores de resíduos entre quarta e quinta-feira, contabilizando um prejuízo de cerca de 16 mil euros, que serão participados ao Ministério Público.

Também na madrugada desta quinta-feira, uma viatura da Polícia de Segurança Pública (PSP) foi apedrejada e atingida por um “dispositivo incendiário”, em Loures, na sequência de um incêndio num caixote do lixo, e, em Setúbal, também foi incendiado um autocarro que estava estacionado na via pública.

Uma fonte da PSP disse à Lusa ao início da manhã que, durante a esta madrugada, foram incendiados 30 caixotes de lixo e ecopontos, em toda a área do Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis), com especial incidência no concelho de Sintra.

As últimas noites têm sido marcadas por diversos atos de vandalismo na Área Metropolitana de Lisboa e em Setúbal.

Estes atos começaram depois de uma manifestação, na segunda-feira, em Lisboa, contra a violência policial, após uma intervenção da PSP no bairro da Jamaica, no Seixal (Setúbal), no domingo, que resultou em incidentes entre os moradores e a polícia que provocaram ferimentos em cinco civis e num agente.

O Ministério Público e a PSP abriram inquéritos aos incidentes no bairro da Jamaica.

/ CE