As operações para encontrar o jovem que desapareceu no mar na terça-feira na Prainha, em Alvor (Portimão) foram retomadas esta quarta-feira ao nascer do sol pela Polícia Marítima e bombeiros, disse à Lusa o comandante do Porto de Portimão.

De acordo com o comandante González Paços, as buscas, que decorrem pelo terceiro dia consecutivo, iniciaram-se às 06:00, por terra e por mar, com elementos da Marinha, da Polícia Marítima e dos bombeiros, “mas sem sucesso até agora”.

Segundo o responsável, as condições do mar "estão hoje melhores”, com maior visibilidade, o que permitiu que uma equipa de mergulhadores dos bombeiros de Portimão “tivesse efetuado já vários mergulhos”.

Nas operações estão envolvidos elementos do Instituto de Socorros a Náufragos da Estação Salva-Vidas de Ferragudo, da Polícia Marítima e dos bombeiros voluntários de Portimão, apoiados por embarcações semirrígidas e por um drone.

O jovem, de 25 anos, desapareceu no mar na terça-feira na Prainha, no concelho de Portimão, quando tentava socorrer um homem de 65 anos, que acabou por morrer.

/ RL