O presidente da Câmara Municipal de Ovar anunciou esta quinta-feira a primeira morte por Covid-19 no concelho. Através do seu Facebook pessoal, Salvador Malheiro aproveitou para dar as condolências à família da vítima.

Segundo fonte da corporação local de bombeiros, em causa está uma octogenária da freguesia de São João de Ovar que estaria à guarda de um lar de idosos.

Salvador Malheiro dirigiu depois à família da falecida os seus pêsames, admitindo que novas vítimas possam surgir nos próximos tempos, tendo em conta que o registo da autarquia já contabiliza mais infetados no concelho do que os estão a ser divulgados pelas autoridades.

O autarca explicou que isso se pode dever a dificuldades de comunicação num período de atividade muito intensa para as entidades da saúde e da Proteção Civil, e declara: "Casos confirmados pela Direção-Geral de Saúde [do Centro] nós temos apenas 37, mas os casos que eu conheço neste momento já são para cima de 50".

A autarquia de Ovar, com uma população superior a 50 mil pessoas, encontra-se em quarentena geográfica desde terça-feira, uma vez que contabiliza dezenas de pessoas infetadas com o novo coronavírus.

O estado de calamidade pública está em vigor naquela cidade do concelho de Aveiro desde terça-feira.

O último boletim divulgado pela Direção-Geral da Saúde dá conta de três mortes confirmadas em Portugal.

 
/ AG