Os Açores vão receber esta segunda-feira 23.400 doses de vacina da Pfizer-BioNTech, para vacinar maiores de 75 anos e pessoas com mais de 50 e patologias prioritárias, anunciou a Autoridade de Saúde Regional.

Metade deste lote será entregue diretamente pelo fornecedor no Hospital de Santo Espírito de Angra do Heroísmo, e a outra metade será entregue, nos mesmos moldes, no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada”, refere em comunicado a Autoridade de Saúde.

A região pretende desta forma “dar continuidade ao processo de vacinação contra a covid-19, das pessoas com mais de 75 anos, bem como das que, tendo mais de 50 anos, foram identificadas com as patologias prioritárias da primeira fase de vacinação”.

Estima-se que durante o mês de abril, a região receba mais 17.550 doses de vacina da Pfizer-BioNTech e 18.500 doses da AstraZeneca, sendo que “o somatório dos dois fornecimentos da Pfizer-BioNTech vai permitir vacinar 20.475 pessoas, reservando-se igual número de doses para a segunda inoculação, três semanas depois”.

A Autoridade de Saúde refere que, das vacinas da AstraZeneca, o total de doses previstas para a região em abril “vai permitir a reserva de 8.500 doses para as segundas inoculações referentes à vacinação realizada em março último, destinando-se um total de 10.000 para primeiras inoculações”.

Segundo a Autoridade de Saúde Regional, desta forma, a região “prevê que no corrente mês, todas as pessoas pertencentes à primeira fase de vacinação tenham pelo menos uma dose administrada”.

A 30 de março, foram realizadas, nos Açores, 395.630 análises e, desde 31 de dezembro de 2020 até 30 de março, 43.812 pessoas com mais de 15 anos foram vacinadas no arquipélago, 28.376 com a primeira dose (14,01% da população) e 15.436 com a segunda (7,62%).

Os últimos dados da situação sanitária apontam que os Açores registaram dez casos, entre os quais um que testou positivo após ter tido infeção há mais de três meses, estando internados nove doentes.

. / CM