O primeiro-ministro anunciou, esta quinta-feira à noite, que será proibida a circulação entre concelhos na semana da Páscoa, de 26 de março a 5 de abril, para evitar qualquer tipo de celebração.

Essa proibição também ainda estará em vigor neste fim de semana e no próximo, de 20 e 21 de março.

A proibição de circulação entre concelhos do continente aos fins de semana é válida entre as 20:00 de sexta-feira e as 05:00 de segunda-feira.

Estas medidas são válidas para Portugal continental e não para os arquipélagos da Madeira e dos Açores.

António Costa lembrou que continua a haver um dever geral de recolhimento até à Pascoa.

O Governo pretende “garantir que a Páscoa não é um momento de deslocação e de encontro, mas, pelo contrário, mais um momento de confinamento”, disse o primeiro-ministro.

Momentos antes, a Conferência Episcopal Portuguesa tinha anunciado que, apesar das missas regressarem a 15 de março, as procissões, incluindo o tradicional “compasso” da Páscoa, continuarão suspensas. 

Catarina Pereira